Sobre o Rhemanescente

remanescentePor que Rhemanescente?

O termo Rhemanescente é um neologismo, ou seja, uma nova palavra que é resultado da combinação de duas, a saber: rhema, que significa palavra em grego (ρημα) e remanescente que significa “aquilo que sobeja ou que resta”.

A despeito de muitas discussões teológicas sobre se haveria ou não distinção entre os termos gregos logos e rhema, já que ambos são traduzidos por “palavra”, o uso de cada uma delas na filosofia grega sugere uma distinção principalmente quando a aplicamos em um contexto das Escrituras.

Nesse sentido, o Logos extrapola a acepção de “palavra” apenas e abarca ainda o sentido, a razão de ser ou ainda a origem, a causa e o fundamento de alguma coisa. João aplica esse termo a pessoa de Jesus (Jo. 1.1) “No princípio era o verbo (logos) (…) e o verbo era Deus…”

Quanto ao vocábulo rhema, seu uso parece designar, não simplesmente uma palavra dita por qualquer ser, mas sim um sentido mais profundo e revelador por trás da mera letra. Uma espécie de aplicação particular ministrada pelo Espírito Santo que, de acordo com Jesus em João 14.26, “nos ensinaria todas as coisas”.

Dessa forma, o Logos designaria a essência do ser de Jesus como causa e razão das coisas criadas e o Rhema, determina aquilo que Ele deseja nos revelar sobre si mesmo e sobre o Pai pelo Espírito Santo nas Escrituras.

Já a palavra Remanescente significa “o que sobra” ou ainda, no campo semântico das profecias do Antigo Testamento, “um grupo que resiste a despeito das pressões externas e desistência de muitos, guardando a fidelidade e lealdade ao Senhor e sua Palavra. ”

O portal Rhemanescente, portanto, pretende ser uma palavra bíblica de ensino, exortação e esperança, em meio a tantas palavras distorcidas, descontextualizadas e enganosas que proliferam em nossos dias.

Pastor Gilberto Gedaías Alves